A Família Savage (The Savages. 2007)

Num resumo eu diria que é a história de dois irmãos à procura do sentimento Família. É! É todo o significado que essa palavra traz. Onde por vezes a ruína acarreta traumas. Mesmo que inconscientemente leva-se esse sentimento de perda para vidas futuras. Não conseguindo nem construir uma nova família. E num ciclo viciante.

Entrando no filme. Pegos de surpresa os irmãos Wendy (Laura Linney) e Jon (Philip Seymour Hoffman) recebem a notícia que o pai (Philip Bosco) está senil. Fora pego escrevendo recados malcriados na parede do banheiro com a própria merda. E mais! A sua companheira por 20 anos, morrera.

Então os irmãos, antes vivendo separados até geograficamente, se reencontram onde o pai reside. No deserto do Arizona. Com isso são levados a rever o passado. Onde nem a figura de uma mãe existia, já que a mesma os abandonara. Levando-os a aguentarem o autoritarismo do pai até poderem caminhar por si mesmos. Ou seja, até poderem sair de fato de casa.

A entrada, ou melhor, a volta desse pai que agora era quase uma criança em suas vidas, mais que um resgate, mais que despertar velhos fantasmas, fazem-no perceber que eles ainda são uma família. Triste, como o Jimmy (Gbenga Akinnagbe) achou a história contada por ela. Mas eles são os Savages, eles são uma família. Meio que: “Oras! Triste ou não, é a história da minha família. E ainda somos, ainda estamos como protagonistas dela.

Bem, se não compararmos com outros filmes com também adultos ressentidos por não terem recebidos carinho dos pais, é um bom filme. É que não tem nada de tão incomum. É um drama comum. O diferencial talvez estaria no sentimento de culpa na busca por asilos. Mais ainda! No “acorda” que o Jon dá em Wendy nessa busca.

Os quatro personagens citados estão ótimos! A trilha musical traz velhos e gostosos hits! Mesmo tendo gostado do filme, não entrou para a minha lista de rever. Nota: 7,5.

Por: Valéria Miguez.

A Família Savage (The Savages). 2007. EUA. Direção: Tamara Jenkins. Elenco: Laura Linney, Philip Seymour Hoffman, Philip Bosco, Gbenga Akinnagbe, Peter Friedman, David Zayas, Cara Seymour. Gênero: Drama. Duração: 114 minutos. Classificação: 12 anos.

Anúncios

2 comentários em “A Família Savage (The Savages. 2007)

  1. Leila, primeiro agradecer sua visita lá no blog , gostei muito , segundo 🙂 gostei do selinho, vou pegar só para mim , mas não pense que sou egoista, mas por outras experiencias acho que o povo que vai lá no blog, não é muito chegado a selinhos, pois já distribui varios …. mas só ficou na distribuição mesmo …. então não dou mais selo para ninguem 🙂

    Quanto a flmes dramticos com velhinhos senis … quero distancia no momento …. já estou vivendo um filme …kkkkk bjs 🙂

    Curtir

  2. Oi Mariposo!

    Eu me diverti com a história da sua vizinha velhinha!
    O filme que eu citei, “Duplex”, não é drama. Bem, ele está classificado como comédia. Mas eu só ri mesmo na primeira meia hora. Eu já comentei ele aqui no blog.

    https://lella.wordpress.com/2008/03/16/duplex-movie/

    E sei que o meu nick confunde. É Lella, por conta do meu nome Valéria. Vem desde a minha infância. Ao passar a navegar, coloquei-o com dois eles.

    Que bom que gostou do Selo!
    Às vésperas do Dia Internacional da Mulher, o Mito Leila Diniz, é um incentivo a Todos nós.

    Grata, também por sua visita!
    Beijo grande,

    Curtir

Seu comentário é importante para nós! Participe! Ele nos inspiram, também!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s