O Plano Perfeito (Inside Man. 2006)

Para mim, o filme não foi perfeito por se alongar demais. Quem já conhece meus textos sabem que não me importo com a duração do filme. Desde claro que tenha razão para isso. Que o seja por conteúdo. Ou até que não nos tire a atenção. Nesse, teve uns 20 minutos entediantes, onde até lixei um pouco as unhas. Fiquei com a impressão de que para o Spike Lee filme bom tem que ser longo. Tal qual o pensamento do Jô Soares que livro bom tem que ficar em pé (Para quem tem Orkut, conto essa história aqui com mais detalhe.). Sem esses 20 minutos, a história ficaria mais amarrada.

Outro ponto que não gostei foi com a escolha da atriz. Ou o Diretor não soube tirar todo o potencial de Jodie Foster. Talvez uma outra atriz teria roubado a cena, quiçá o filme. Pelo personagem, por aquilo que tinha que fazer: em ficar entre o banqueiro, o bandido e o mocinho. Mas ficou a desejar. Ela fora incumbida pelo banqueiro de que algo guardado num dos cofres que ficasse em segredo. Sendo assim teria que passar pelos tiras para chegar aos assaltantes.

Em relação a história do tal segredo do banqueiro (Christopher Plummer) não é original. Também não vejo demérito nisso. Mas digo porque tantos bateram nessa tese. A história me fez lembrar de outra num livro que li há muito tempo atrás. Pena que não lembro o nome (Foi num período onde algumas Editoras fizeram tiragens de livros em papel jornal. Eram vendidos em Bancas de Jornais a preços bem populares. Eu li muitos nessa época.). Fiquei pensando que o Spike Lee também leu tal livro. E inspirou-se naquele segredo para fazer esse.

O segredo do banqueiro, sem estragar a surpresa de quem ainda não viu esse filme, vem de encontro em aproveitar-se de uma situação para dela extrair dividendos. Algo anti-ético? Amoral? Sim. Mas que alguns governantes fazem passar tranqüilamente pelos olhos da lei. Por terem a máquina a seu favor.

Caça ao rato? Bandido versus Mocinhos? Metendo o dedo na ferida? Tudo isso é exposto nessas horas onde um assalto a um banco fora descoberto. Teria sido mesmo? Os policiais não teriam sido parte do plano? Entre bandidos e os tiras, haviam também os reféns. Restaria saber quem era quem.

Mas o filme é bom. Amei a música Chaiyya, Chaiyya! E a carequinha do Denzel me fez ficar com saudades do Kojak. Ah! Aquele final me fez pensar que deixaram um gancho para uma continuação. Eu espero que não, pois seria mais um ponto negativo.

Por: Valéria Miguez.

O Plano Perfeito (Inside Man). 2006. EUA. Direção: Spike Lee. Elenco: Clive Owen, Denzel Washington, Christopher Plummer, Willem Dafoe, Jodie Foster, Chiwetel Ejiofor. Gênero: Drama, Policial, Suspense. Duração: 129 minutos.

Anúncios

6 comentários em “O Plano Perfeito (Inside Man. 2006)

  1. Lella, eu não gostei desse filme. Concordo com você, ele se excedeu e perdeu a linha. Hoje vou “A Bela da Tarde” por recomendação sua e já revi dois do Woody Allen, “Interiores” e “Poderosa Afrodite”. As sessões pipoca do feriado estão rendendo! Beijo!

    Curtido por 1 pessoa

  2. Ainda não vi “Interiores”, e “Poderosa Afrodite” faz tempo que vi. Mas como a lista aqui está imensa… vai demorar um pouco. Até porque, já peguei para rever “Hannah e suas Irmãs”.

    E menina, bom saber que “voltou”! Estou indo lá!

    Beijo grande,

    Curtir

  3. Pingback: Filmes que Levam ao Sono… | Nossa Via: O conteúdo passa por aqui!

Seu comentário é importante para nós! Participe! Ele nos inspiram, também!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s