Séries: Becker & Dr. House – Dois Médicos Bem Rabugentos!

series_becker_houseApesar de encerradas, as séries são reprisadas. Becker ficou no ar de 1998 a 2004. Dr. House ficou no ar de 2004 a 2012.

Em principio fanática pelo seriado Dr. House (Hugh Laurie), aos poucos parei de assisti-lo por vários motivos preferindo vê–lo quando o foco eram alguns dos personagens e não o abecedário de probabilidades de doença. Por acaso numa madrugada com a Dª Sonia (insônia para os íntimos) a fazer companhia, descobri o seriado BECKER no canal TBS com carismático ator Ted Danson que interpreta Dr. Becker. Para os fãs de Dr. House é uma heresia compara-lo a qualquer outra coisa. Eu particularmente senti que existem semelhança entre Dr. House e Becker apesar de cenários bem diferentes.

becker-e-margaret_house-e-cuddyOs Médicos, Cuddy e MargaretDr. House atende em um hospital em New Jersey e com a quase ajuda da diretora Cuddy (Lisa Edelstein) e sua equipe médica consegue diagnosticar e tratar os pacientes que o procuram. Becker é medico que apesar de formado em Harvard, tem clínica no bairro do Bronx em NY, dirigida com mão de ferro pela enfermeira Margaret (Hattie Winston).

A diferença entre a Cuddy e Margaret é que a primeira apesar de tentar ser enérgica com as atitudes de House como médico, muitas vezes precisa concordar com o que ele decide além do envolvimento entre ambos que varia entre carnal, emocional e platônico. Margaret tem um casamento de longo tempo sem grandes emoções. Ela é enérgica na administração da clínica, mas também ela é quase uma mãe para Becker quando o repreende pelas atitudes azedas, diárias, em relação ao dia a dia fora da clínica.

Em ambientes distintos House e Becker são extremamente competentes no diagnóstico da doença e tratamento. House manipula a equipe e o paciente atrás das respostas. Em Becker a solução dos problemas de saúde de seus pacientes deriva de seu eterno mau humor e nas confusões que se mete por isso.

Deus: Ambos são ateus, logo não adianta apelar para esse lado. Numa das frases de House quando o paciente louva a deus: “_Você acredita em deus, mas olha nos 2 lados da rua antes de atravessá-la.” Quando paciente diz que vai embora com deus, Becker responde: “_Não se preocupe com deus porque nem ele vem aqui no Bronx.”.

becker_houseModo de ser: Ambos são rabugentos, egoístas, questionam de modo a incomodar as pessoas e não gostam quando há uma inversão de situação na qual eles ficam encurralados.

Aparentemente House não é apegado a bens visto que parcialmente adotou a casa do Wilson (Robert Sean Leonard) como lar e não faz cerimônia em usar o que tiver na hora incomodando ou não Wilson que no fundo parece gostar como se fosse uma relação de irmãos sendo ele o mais velho e “ajuizado”. Becker vive com as mesmas coisas antiquadas de sempre. Quando seus amigos reclamam das roupas fora de moda ou de uma televisão movida a transistor que precisa ser trocada ele responde que não é um muquirana. Apenas eliminou as coisas supérfluas da vida. Só que quando a televisão “não pega” numa noite de insônia ou quando há jogos, ele não tem vergonha de ligar para qualquer um de seus amigos para assistir o que quer. Os amigos próximos reclamam do jeito de ser, mas gostam e se preocupam com eles.

Fisicamente: Ambos são pouco mais altos que a média das pessoas com os quais convivem. Uma analogia de que deus está acima e pode tudo? House e Becker não são deus e podem quase tudo como médicos.

os-viciosMau exemplo: House consome remédios aos montes e aleatoriamente por conta da perna e talvez pelos conflitos internos que tenta esconder. Becker fuma principalmente em ambiente fechados, na mesma proporção que reclama de tudo e todos a sua volta: e não se importa e nem aceita o quanto a fumaça do cigarro incomoda. O consumo de remédio sem prescrição médica assim como fumar são um perigo à saúde . Somente as pessoas próximas aos dois sabem que eles sabem desse vicio. Em Dr. House há uma tentativa de tratá-lo desse vício quando as coisas saem do controle. Foi um período quase sombrio desse seriado. Becker só se preocupa em tentar parar de fumar quando o preço do cigarro sofre reajuste, mesmo importa se for reajustado em centavos. Nesse aspecto a situação torna se cômica.

O começo dos episódios de cada seriado é distinto: em House com a entrada de paciente e Becker reclamando de qualquer coisa que o aborreceu no caminho entre a casa e a clínica. Por exemplo: Becker reclamando montes de uma ambulância estacionada em fila dupla perto de onde ele trabalha. Margaret então diz que a ambulância está ali para socorrer uma pessoa, mas que não deu tempo porque a pessoa faleceu. Becker responde: “_Oras, não é porque ele teve um péssimo dia que precisa estragar o meu.”.

Apesar dos absurdos que Becker costuma dizer, de alguma forma consegue ser mais real e próximo às pessoas a sua volta e em seus problemas diários do que House. Além dos casos serem mais engraçados. Os seriados têm um enredo chave em comum, mas que formaram públicos distintos. Como ambas séries já tiveram seus episódios finais, resta saber qual será a próxima novidade.

Por Criz de Barros.

Anúncios

11 comentários em “Séries: Becker & Dr. House – Dois Médicos Bem Rabugentos!

  1. Conheci o Becker pela Criz, e gostei muito!

    Atualmente tenho visto muito mais o Becker. Porque as reprises do House estão sendo dubladas e não me acostumei com as vozes nessa dublagem. Ainda não gostei porque descaracterizou os personagens principais.

    Como o Becker eu já assisti dublado, não me importei.

    De qualquer forma, adoro ambos! 🙂

    E parabéns pelo texto!

    Curtir

  2. Não conhecemos Becker — e apenas um de nosso grupo de blogueiros não gosta de House –, mas sua análise comparativa nos fez a todos ter vontade de assistir para confirmar sua comparação.

    O colega de oposição vai assistir para poder falar mais mal ainda de House, aquele pedante arrogante britânico. 😎

    Curtido por 1 pessoa

Seu comentário é importante para nós! Participe! Ele nos inspiram, também!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s