O Verão do Skylab (Le Skylab. 2011)

o-verao-do-skylab_2011Julie Delpy atua e dirige esse delicioso filme – O Verão do Skylab – sobre a família que não tem exatamente uma estória, mas sim um conjunto de situações que acontecem numa movimentada reunião na Bretanha sob o pretexto de comemorar o aniversário da matriarca.

o-verao-do-skylab_01Nessa alegre festa de verão, desfilam tipos curiosos como o tio estranho que aparenta ter um problema mental, mas que na verdade é carente e depressivo, outro que não mede o que fala nem mesmo em frente às crianças ou aos idosos e o adolescente metido que inferniza a vida dos menores, mas que é capaz de diverti-los ao contar estórias assombrosas à noite. Há uma infinidade de discussões políticas e feministas, algumas bem agressivas e de cunho sexual como a do sujeito seminu que ataca a cunhada em pleno leito do casal após uma briga. No entanto, todas as rusgas são resolvidas com carinho e amor e as mudanças das crianças, como a menina que quer se apaixonar e menstrua prematuramente, o menino com a sexualidade aflorada ou o garoto que não larga a boneca e quer ter seios enormes como a tia, são encaradas com uma sábia e dosada naturalidade.

o-verao-do-skylab_02Aliás, os menores têm um brilho particular no filme. Vale destacar a festa singela em que se encontram as crianças e adolescentes da região para celebrar uma fase de descobertas sob o hit inesquecível de Patrick Hernandez: “Born to be Alive” que inunda a sala de cinema de felicidade com seu som contagiante.

No verão ensolarado dessa família simples no final da década de 1970, surge uma pequena ameaça: O satélite Skylab está prestes a cair na Terra e colidir justamente com aquela região. Seria o único elemento de suspense da obra que acaba completamente diluído no meio de diálogos saborosos e acontecimentos cheios de humor sutil num roteiro simplista que aposta no valor da ternura em família.

Por Carlos Henry.

O Verão do Skylab (Le Skylab. 2011). França. Direção e Roteiro: Julie Delpy. Elenco: Emmanuelle Riva (Mme Prévost dite Mémé – la mère d’Anna), Eric Elmosnino (Jean dit Jacquot – le père d’Albertine), Julie Delpy (Anna – la mère d’Albertine), Aure Atika (Tante Linette), (+cast). Gênero: Comédia. Duração: minutos.

Anúncios

Um comentário em “O Verão do Skylab (Le Skylab. 2011)

Seu comentário é importante para nós! Participe! Ele nos inspiram, também!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s